Participem deste Site http://oequilibriosobrenatural.blogspot.com.br

Demonologia é o estudo sistemático dos demônios. Quando envolve os estudo de textos bíblicos, é considerada um ramo da Teologia. Por geralmente se referir aos demônios descritos no Cristianismo, pode ser considerada um estudo de parte da hierarquia bíblica. Também não está diretamente relacionada ao culto aos demônios.

As mais extensas exposições sobre demonologia cristã são o Malleus Maleficarum, de Heinrich Kraemer, Demonolatria, de Nicolas Rémy, e Compendium Maleficarum, de Francesco Maria Guazzo.

A demonologia se refere a catálogos que tentam nomear e definir uma hierarquia de demônios e espíritos malignos. Nesse sentido, a demonologia pode ser vista como uma imagem em espelho ou um ramo da angeologia, que estuda os anjos.

Os grimórios de ocultismo são tomos que conteriam os feitiços dessa versão da demonologia, contendo instruções de como convocar demônios e (espera-se), submetê-los à vontade do conjurador, embora nem todos os ocultistas antigos ou modernos necessariamente conjurem demônios.


domingo, 2 de outubro de 2011

Lendas

São João Maria Antonio Olinto 24
Lenda de São João Maria Campo Do Tenente 24
A lenda do profeta Campo Mourão 25
A lenda de São João Maria Faxinal 27
O monstro da Lapa Lapa 28
Monge São João Maria Mallet 29
Lenda de João Maria Mangueirinha 29
História do queijo 30
História da galinha 31
História do peixe 31
Olho d’água de São João Maria Pita nga 32
Lenda de São João Maria Prudentópolis 33
O monge João Maria Rio Azul 34
João Maria Rio Branco Do Iva í 35
A lenda da mina de São João e Maria São Jerônimo da Serra 35
Profeta João Maria Telêmaco Borba 36
Monge João Maria de Jesus União da Vitória 37
Morro da Cruz 38
Manifestações de Santos e Santas
Manoel Alves Antonina 42
Nossa Senhora de Fátima Cruzeiro Do Sul 42
Maria Bueno, a Santa Curitiba 43
Lenda do Divino Espírito Santo Guarat uba 45
Lenda da padroeira Ipiranga 45
A santa do paredão Jag uariaíva 46
Capela de Nossa Senhora das PedrasPalmeira 48
A lenda da mudança Paranag uá 48
A lenda das rosas loucas 49
Corina Portugal (1892) Ponta Grossa 50
A cruz de cedro São Jerônimo Da Serra 51
A história da Romaninha 51
Senhor Bom Jesus da Cana Verde Siqueira Campos 52
Maldições, Pragas e Maledicências
A maldição de Tamandaré Almirante Tamandar é 58
A praga do padre Ivat uba 58
Morte do padre -100 anos de maldição Lapa 59
A lenda do pinheiro em forma de cruz Pinhal De São Bento 60
O pinheiro que virou pedra Prudentópolis 61
Lenda da sexta-feira santa 62
Assombrações, Noivas e Outras Aparições
O fantasma das águas do Val Verde Almirante Tamandar é 66
A noiva 66
A noiva Altamira Do Paraná 67
Escravos da igreja de São Benedito Antonina 67
Visagens Antonio Olinto 68
Lenda contada por Ernesto Capelli Arapongas 68
O pinheiro da noiva Arapoti 69
A noiva da linha do trem 69
A assombração de Calógeras 70
O piá da grota 71
O Gritador 71
A árvore dos enforcados 72
Sumário Uma tal confusão Boa Esperança 72
A moça encantada 73
A noiva Bom Sucesso 74
Cecília, a deusa da estrada Califórnia 75
Lenda do Bradador Colombo 76
Lenda da curva da noiva 76
A loira fantasma Curitiba 77
O fantasma da grávida da praça da Ucrânia 79
Campo mal-assombrado Francisco Beltr ão 81
Poço da visagem General Carneiro 82
História do Gritador Goioxim 82
A noiva que ia se casar Ipiranga 83
O poço 83
O garupeiro Irati 84
A bola de fogo Ivat é 84
A mulher de branco 85
A curva da noiva Ivat uba 85
Assombração da antiga Serrinha Jag uariaíva 86
Lenda do homem-boi Lidianópolis 88
O primeiro OVNI no Brasil Luiziana 88
O carona da bicicleta Mati nhos 89
Fantasma do Central Morretes 89
A olhadeira da rua XV de Novembro 90
A loira do matão Nova Londrina 90
A noiva de branco Palmeira 91
Assombrações no Centro Integrado da Cultura
Santo Antônio do Sudoeste 91
O velório da virgem noiva São José Dos Pinhais 94
Luzinha da Estrada Monte Castelo São Tomé 95
Ana Beje (1831) Tibagi 96
A caverna do jesuíta Tunas Do Paraná 97
Noiva da pedreira Turvo 97
Benzimentos, Curas e Milagres
Os benzedores Araucária 102
Manoel Trindade Cerro Azul 103
Irmão Cirilo – o santo do Sudoeste Francisco Beltr ão 104
Rita, a mudinha Lapa 105
O corpo santo Tunas do Paraná 105
Cemitérios e Caixões
O féretro fantasma Almirante Tamandar é 110
O caixão ANTONIO OLINTO 110
O preço da farra ARAPOTI 111
O espírito do cemitério 111
A escrava CLEVELÂNDIA 112
Túmulo fora do cemitério PALMEIRA 113
Lenda dos dois cavaleiros 114
Corpo seco 115
O túmulo de Maria Quebra PIRAÍ DO SUL 115
O Cemiterinho QUITANDINHA 117
Lenda do cemitério SÃO JOÃO DO TRIUNFO 119
Túmulo mal-assombrado VERÊ 119
Heróis, Bandidos, Escravos e Aventuras
Hermógenes CERRO AZUL 124
Mais uma do Hermógenes 125
As caçadas no Girau DOIS VIZINHOS 126
A árvore da morte ITAIPULÂNDIA 126
Pala Branca MAMBORÊ 127
O fundador Santiago Lopes José MARILÂNDIA DO SUL 129
A lenda da cabeça do enforcado PARANAGUÁ 129
A lenda da caveirinha 130
Figueira do corpo seco Pontal do Paraná 132
O homem das sete orelhas SANTO ANTÔNIO DA PLATINA 134
Um lindo diamante TIBAGI 135 Lendas Indígenas
A cruz do índio ABATIÁ 140
Os bugres ANTONIO OLINTO 140
A lenda de São Tomé (o caminho do Peabiru)
CAMPO MOURÃO 141
A lenda das Cataratas FOZ DO IGUAÇU 144
A lenda do Brejatuba GUARATUBA 145
Guairacá LONDRINA 145
O homem de branco MATINHOS 146
Indianer MISSAL 147
Campos de Palmas PALMAS 148
História manchada de sangue 149
A lenda da araucária PALMEIRA 149
Lobisomens, Demônios, Monstros
e Outros Seres Fantásticos
A lenda da cobra gigante AGUDOS DO SUL 154
Sucuri ALTAMIRA DO PARANÁ 154
Cigana Bartira ANTONINA 155
Burza, o lobisomem ANTONIO OLINTO 156
O lobisomem 156
O monstro da Fazenda Três Marcos ARAPOTI 157
O Boitatá 158
Lenda do lobisomem ARAUCÁRIA 158
Lobisomem 159
O diabo de Capanema CAPANEMA 160
O petiço CARAMBEÍ 161
A cobra gigante IBAITI 162
A lenda da coruja IPIRANGA 162
Histórias de quaresma MALLET 163
Lenda da leitoa mateira MAMBORÊ 164
Serpente da figueira MATINHOS 165
A saga da Caetana 165
Saci-pererê MORRETES 166
As bruxas 166
Lenda do lobisomem NOVA CANTU 167
Bicho-homem PALMITAL 167
A surpresa 168
Chico Bracatinga SÃO JOSÉ DOS PINHAIS 169
História real SÃO MATEUS DO SUL 169
A cobra 170
O lobisomem SÃO SEBASTIÃO DA AMOREIRA 171
Lenda da cobra encantada TOMAZINA 171
História de lobisomem VERÊ 172
O lobisomem VIRMOND 172
Lugares e Coisas Encantadas
Baile dos mortos ARAPOTI 178
O mistério da lagoa grande CAMPO LARGO 178
Os escravos e o tesouro da granja 179
A lenda da lagoa feia CAMPO MAGRO 180
Ditinho de Deus CONGONHINHAS 181
Mistérios na comunidade São Roque CORBÉLIA 182
Sanga de Urutu ESPERANÇA NOVA 183
Quebradeira 184
A lenda da cachoeira GOIOXIM 185
A lenda da figueira IVATÉ 186
A praça mal-assombrada MARILÂNDIA DO SUL 186
Lenda do Capão Manhoso PALMEIRA 187
Lamúrias dos escravos 187
Capão do Matadouro 188
A lenda do brejo que canta PARANAGUÁ 188
Tiracisma PLANALTO 191
Rio Siemens e suas lendas 192
O barulho das correntes SANTO INÁCIO 193
As cruzes da ponte velha SÃO JOSÉ DOS PINHAIS Cruz do mudinho TELÊMACO BORBA 197
Casa mal-assombrada TIBAGI 198
A lenda da curva da onça UBIRATÃ 199
Tesouros Escondidos
Padre João ANTONIO OLINTO 204
O achado 204
O pote de ouro 205
O pote de ouro ARAPOTI 206
Tesouro dos Carros BALSA NOVA 207
Lenda do caixão branco CAMPINA DO SIMÃO 208
Lendas da Colônia Tereza Cristina CÂNDIDO DE ABREU 208
Mais panelas de ouro 209
O fantasma do pirata do Bairro Mercês CURITIBA 210
Marca dos três coqueiros FAXINAL 211
Serra do Caixão IPIRANGA 212
Ouro no Salto da Fogueira LIDIANÓPOLIS 212
O caso da vela MORRETES 213
O negrão do caixão 213
A Lenda do pirata Zulmiro PARANAGUÁ 214
Encantada 216
A lagoa das visões PLANALTO 217
Tesouro do Capão da Onça PONTA GROSSA 218
Capão do Padre Miguel 220
A panela de ouro SANTO ANTÔNIO DA PLATINA 220
O drama da Fazenda Fortaleza TIBAGI 221
O tesouro da caverna VIRMOND 223
Origem e nomes de localidades e cidades
Origem do nome da cidade CASCAVEL 228
Origem do nome da cidade CORONEL VIVIDA 228
Origem do nome da novela Cavalo de Aço 229
Lenda do Miserável CRUZEIRO DO IGUAÇU 229
Origem do nome da cidade DOIS VIZINHOS 230
O Passo do Inferno GENERAL CARNEIRO 231
A lenda de Jandaia JANDAIA DO SUL 232
Lenda do Rio Ivaí LIDIANOPÓLIS 233
Maria do Ingá MARINGÁ 234
Origem do nome da cidade PAIÇANDU 234
Paiçandu (outra versão) 234
Surgimento de Palmeira PALMEIRA 235
Lenda das pombinhas PONTA GROSSA 236
Lenda de Vila Velha 236
Lenda do Rio Ivaí RIO BRANCO DO IVAÍ 237
A lenda do Rio Branco 237
A lenda do Véu da Noiva 238
Origem do nome da cidade SÃO MIGUEL DO IGUAÇU 238
Origem do nome da cidade SÃO TOMÉ 239
Lenda de Tapejara TAPEJARA 240
Lista de Municípios que enviaram Lendas e Contos 241 O mundo hoje é um prato cheio para
a criação de lendas e contos.
Furacões, maremotos, epidemias...
são fatos do cotidiano moderno que poderiam
facilmente ser o resultado de antigas histórias
que nascem do imaginário popular – como
cobras gigantes que se mexem por baixo da
terra ou pragas de religiosos que sofreram
maus tratos por ricos e poderosos.
Exemplos como esses são recorrentes
no terceiro volume do Caderno Paraná da Gente
– “Lendas e Contos Populares do Paraná”.
Nesse projeto, realizado pela Secretaria de
Estado da Cultura, foram pesquisadas histórias
da tradição oral paranaense que, ao tentar explicar
o inexplicável, estabelecem um diálogo
entre o passado e presente.
O resultado é um inventário de histórias
extraordinárias ocorridas nos quatro
cantos do Estado envolvendo religião, assombrações,
milagres, cemitério e tesouros
escondidos, entre outros temas que surgem
espontaneamente por intermédio da fé, do
medo, da culpa, do poder e, na maior parte das
vezes, de uma imaginação muito fértil.
O Paraná é um dos Estados brasileiros
que mais recebeu elementos para o cultivo
de lendas e contos fantásticos. Sua formação
cultural foi forjada por povos de diversas
origens: índios, tropeiros, escravos, soldados,
religiosos, imigrantes... um pouco de tudo.
Cada um trazendo na sua bagagem uma crença
e uma boa história para contar. E, como diz o
provérbio, quem conta um conto... aumenta
um ponto.
Assim, temas como perseguição indígena,
tesouro dos jesuítas, castigo escravo,
noivas fantasmas e padres milagrosos são
algumas das matérias-primas para as histórias
que fazem parte deste Caderno – terceiro
volume de um projeto que tem por objetivo
revelar a riqueza cultural do Paraná e que nos
dois primeiros números apresentou, respectivamente,
nossa gastronomia e um roteiro das
festas populares.
A presente seleção reuniu mais de
duzentas lendas e contos populares de 97
municípios paranaenses. São histórias curtas
e gostosas de ler. Muitas delas são arrepiantes,
ideais para serem saboreadas em noites de
chuva com muita trovoada. Outras despertam
no leitor a dúvida: será verdade? Mas, no
conjunto, as lendas e contos trazem um pedacinho
do povo paranaense que, numa visão
mais ampla, carrega dentro de si um pouco do
sentimento do mundo.

Postagens populares